Unidades

Veja onde atendemos

Telefone

(21) 99954-5700

E-mail para contato

Enviar um e-mail

Artrodese da coluna: principais indicações e técnicas

artrodese-dr-jose-alberto
cirurgia-de-artrodese-dr-jose-alberto
Tudo sobre Artrodese

A artrodese é um procedimento cirúrgico que consiste na união de duas ou mais articulações

Trata-se de um procedimento cirúrgico realizado a partir da união de ossos selecionados na coluna, a fim de sanar problemas como dores e aprimorar a estabilidade do paciente.

A Artrodese pode ser indicada em diversos condições da coluna vertebral, como espondilolistese, escoliose, estenose de canal vertebral, fratura vertebral, instabilidade na coluna lombar, artrose, compressão dos nervos ou da medula e em determinados casos de hérnia de disco.

Indicações

As principais funções de uma cirurgia de artrodese são:

Quais os tipos de artrodese?

Existem vários tipos de artrodese. Primeiro falando sobre a forma dela ser feita: existem meios minimamente invasivos, pouco invasivos, com tubos dilatadores, mini-open, via aberta. A decisão sobre o modo de ser feita a artrodese não é simples e deve ser estudada caso a caso, sendo importante a capacidade de decisão do cirurgião.

A artrodese pode ser acompanhada ou não de “cages” (do francês e inglês: quer dizer “gaiola”). Os cages são estruturas que ocupam o espaço deixado pela remoção do disco intervertebral conferindo aumento de estabilidade à coluna e ao sistema de artrodese.

Artrodese cervical: Pode ser realizada tanto por via anterior, chamada internacionalmente de ACDF (anterior cervical discectomy and fusion / discectomia e fusão cervical anterior) quanto posterior com parafusos metálicos.

Artrodese dorsal ou torácica: Feita principalmente por via posterior com uso de implantes metálicos, como parafusos pediculares ou ganchos. São exemplos de indicação de artrodese torácica: correção de escoliose (foto) e estabilização de fraturas com instabilidade mecânica.

Artrodese lombar por via posterior: Acesso por trás com utilização de implantes metálicos para fixação das articulações e colocação de enxerto ósseo para a fusão entre as vértebras.

Quais benefícios de fazer artrodese da coluna

Os principais benefícios de artrodese da coluna são: melhora da dor, correção de deformidades e estabilização de doenças que cursam com instabilidade mecânica como trauma, tumores e infecção vertebral.

O procedimento

A artrodese pode necessitar de instrumentos, ou seja, alguns materiais especiais, como, por exemplo, pinos, placas, parafusos, barras e cages, estes últimos são dispositivos intersomáticos que substituem o disco. No entanto, o que causa a fusão óssea é a colocação de enxerto, o qual pode ser conseguido pelo próprio pacientes ou ainda através de industrialização. Graças à tecnologia atual, os equipamentos possibilitam a realização deste procedimento da coluna de maneira minimamente invasiva, por meio de pequenos incisões na pele e com a mínima agressão aos tecidos adjacentes.

A principal diferença entre as cirurgias mais convencionais, as minimamente invasivas e as endoscópicas refere-se a quantidade de estruturas lesadas, especialmente musculatura e pele, e ainda por consequência a dor pós operatória, sangramento e também riscos de infecção. Por exemplo, quanto maior e mais complexo o procedimento, maior será o risco da cirurgia, porém, utilizando as técnicas menos invasivas, menores serão as chances de sangramentos e taxas de infecção.

Caso seja diagnosticado com alguma patologia que necessite de artrodese, entre em contato conosco.

Pré-agendamento

Preencha o formulario abaixo para fazer o pré-agendamento de sua consulta

Este é um pré-agendamento. Após o preenchimento deste formulário, a Central de Marcação de consulta entrará em contato para dar continuidade ao atendimento, em até 2 dias úteis.
agendar-consulta-vascular
0 +
Pacientes atendidos